Você não está conectado. Conecte-se ou registre-se

UFC 166: Velasquez vs Cigano 3; Cormier vs Nelson; Marquardt vs Lombard; Sanchez vs Melendez; Rockhold vs Boetsch

Ir à página : Anterior  1, 2, 3 ... 9, 10, 11, 12  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo  Mensagem [Página 10 de 12]

Bruce \"Mussum" Buffer escreveu:
Smasher escreveu:Sétimo, você desconsiderou um importante fator: Cain superou Cigano na trocação, também.
Mas ai que esta, é justamente nesse ponto que o Cigano peca Smasher. Era visível, no inicio do primeiro round, depois que o Velasquez foi afobado pra luta e o Cigano se impôs na trocação, que o americano respeitava, e muito, a trocação do brasileiro. Ele foi e levou pro clinche evitando isso, e principalmente cansando o Cigano. Levou pro chão e ficou um tempo lá, mas sem efetividade. Beleza, natural. Só que depois de ficar novamente no clinche, o brasileiro não buscava sair da grade pra trabalhar o jogo dele, a trocação dele, que é melhor que a do americano! Cigano para de levantar as mãos e começa a pendular na grade, sem possibilidade de evitar a maioria dos golpes. É uma cilada que o americano fez, que o brasileiro caiu, e pior, que ele parece que não faz muito por onde pra sair dela... Depois do knockdown então é que ficou impossível do Cigano levantar as mãos e ele voltou a lutar como na luta do ano passado e perdeu, inclusive, na trocação.

Não é tirando os méritos do Velasques, eu repito, mas o Cigano simplesmente não faz o que lhe é pedido, o que, até certo ponto, é fácil de ser percebido como estratégia a ser seguida durante o combate, e se torna uma presa fácil...
Sim, Sétimo, mas eu acho que o que mais pegou pra ele ficar ali na grade, foi uma mão do Velásquez que entrou no comecinho. Deu pra notar que ele sentiu...

Não sei se tive a impressão errada, mas parece que foi isso.

Mas no fim das contas, deu pro Cigano entender que o Cain bate BEM pesado.


_________________
VOLTA, WILLIAN!
Ver perfil do usuário
Enfim, entendo seu ponto de vista, Sétimo. Só que, o que importa é: deu pro Cigano entender que o Cain NÃO bate como uma moça.

Concorda?


_________________
VOLTA, WILLIAN!
Ver perfil do usuário
podiam colocar cain vs werdum ja pros primeiros meses de 2014...


_________________
Ver perfil do usuário http://mma-warriors.fightingboard.com
Só fiquei triste pela derrota do Nelson e pela forma com que ele lutou: não era o Nelson.


_________________
VOLTA, WILLIAN!
Ver perfil do usuário
Smasher escreveu:Enfim, entendo seu ponto de vista, Sétimo. Só que, o que importa é: deu pro Cigano entender que o Cain NÃO bate como uma moça.

Concorda?
Isso não tem dúvidas... É impressionante a capacidade do Cigano de assimilar golpes... Porra, ele levantou de um overhand que pegou muito justo, e só não perdeu ali porque o Cain errou por milímetros o primeiro soco do G&P que foi um diretasso! Só que dizer que o cara bate como uma moça depois de ficar com a cara toda amassada naquela luta e novamente nessa é uma puta burrice...

É como eu disse aqui uma vez: não vejo problemas em palavras como essas que o Cigano usou, dizendo que o Velasquez bate como uma moça. Ajuda a irritar o oponente (e deu certo, porque o americano estava pilhado e quase se deu mal no início do combate por isso), além de criar uma rixa, ajudar, e muito, na venda de PPV's e garantir uma grana extra dependendo de como foi feito o contrato da luta, mas essas palavras ficam... O cara tem que se garantir o suficiente porque o peso de palavras assim é grande quando se fala, mas muito maiores quando se perde a luta.

Não desrespeitando ao nível de Sonnen, ta ótimo, mas eu não faria isso, não usaria palavras pra desestabilizar o oponente... Sou karateca porra!!! rsrsrs


_________________
sem ideia

- Vai um cafezinho ai?
- Não, não, obrigado!
Ver perfil do usuário
Bom galera, agora eu vou assistir na ESPN um pouco de poker pra praticar mais tarde, hehehe

Abraços e boa noite a todos!


_________________
sem ideia

- Vai um cafezinho ai?
- Não, não, obrigado!
Ver perfil do usuário
Cigano têm rever os seus conceitos urgentemente, pq quando um lutador profissional não apresenta nenhuma estratégia, apresenta as mesmas falhas e se nocauteia (foi muito triste), é pq realmente têm alguma coisa errada!!!

No mais, parabéns ao Cain Velásquez, que mostrou ser lutador superior, principalmente na estratégia!!!

Ver perfil do usuário
Impressionante como o cara passa 1 ano treinando e volta com os mesmos erros, não traçaram nem uma estratégia nem um plano B para anular o jogo do Cain... sinceramente o Cigano mereceu perder e méritos do Cain... mma não é só força e tecnica não.. um dos segredos dos grandes campeoes é a estrategia e inteligencia...

Ver perfil do usuário
Evento do CARALHO!!!

Tirando KJ Noons vs Sotiropoulos e Cormier vs Nelson, TODAS as lutas empolgantes e muito boas!

Melendez vs Sanchez superou todas as expectativas! Quando a luta acabou, falei com o Frank: Séria candidata a luta do ano! Que guerra! Melendez subiu MUITO no meu conceito, ele é MUITO BOM! Tem técnica, tem preparo físico primoroso, é inteligente... Que lutador! Sanchez voltando aos velhos tempos, como esse cara é guerreiro! Quando ele partiu pra cima no 3º round, e deu aquele knockdown... Meu, se esse cara vence a luta, ele seria OVACIONADO de forma INÉDITA. Seria a maior virada da história do UFC, sem dúvidas.

Amagov é um ANIMAL! Que KO foi aquele? O cara chega a quicar... Espero que esteja bem, pq teve que ir direto pro hospital.

Frank quase teve um orgasmo com a atuação do Dodson, que por sinal foi EXCELENTE! O cara é rápido, ágil, inteligente e bate pesado... Bela atuação! Vem TS por aí...

Discordo de quem fala que NELSON É LUTADOR e eu já tinha cantado a pedra pro Frank antes da luta começar: Ele SÓ tem o mata-cobra. Se o adversário defende esse golpe, o Nelson MORRE! Cormier é talentoso, mas é chato pra caralho! Torcendo pra descer mesmo e tomar uma surra do Jones pra aprender a ser menos chato...

Lombard tava gigantesco na categoria, assim como Toquinho, ele vai SOBRAR fisicamente. Tava mais forte que o Marquadt, mesmo este estando muito grande tb... Acho que tá na categoria certa e tem tudo pra escalá-la, já que na MW foi aquele desastre.

Cain. O cara é ANIMAL! Ele tava com sangue nos olhos (Apesar de achar que ele entrou MUITO TENSO), foi empolgante aquela andada pra frente e encarada no Cigano, quando o mesmo foi fazer o gesto típico dele no início da luta. Bate MUITO PESADO, é MUITO INTELIGENTE, tem um preparo físico invejável, mesmo tendo tomado alguns poucos socos, mas que machucaram, ele saiu da luta pronto pra enfrentar o Werdum, se o Satã quisesse. Ele teve um jogo meio chato, de ficar clinchando toda hora, mas ele é MUITO BOM, ele SOBRA na categoria. Se o Werdum não achar uma finalização na cartola, Cain vai reinar soberano por muito tempo! O cara é SENSACIONAL! Ele seguiu à risca a estratégia e dominou completamente as ações em cima e em pé. Parabéns pra ele, sem palavras pra definir essa atuação!

Cigano: Percebi que ele tem um SÉRIO problema psicológico! Ele é striker e bate pesado, mas se for acertado, mesmo tendo um queixo fora do comum, ele se abate facilmente quando é acertado. Ele vinha bem no primeiro round e na primeira mão do Cain que entrou, ele já se desesperou. O cara tem boa defesa de quedas, quando quedado levanta com facilidade, tem mão boa, mas não tem psicológico e não é obediente taticamente. O filha da puta NÃO SEGUE AS ORDENS DO CÓRNER! Durante a luta comentei com o Frank: Ele fica dando esse cruzado de esquerda e tá tão manjado que o Cain abaixa em TODOS OS GOLPES e contra-ataca. Se ele der um upper, vai pegar em cheio nesse queixo, mas o cara insistia em cruzar e passar vergonha. O Dória insistia em pedir pra ele parar com isso, mas ele mantinha fazendo. Ou seja: MERECEU PERDER, PQ NÃO É O MELHOR DA CATEGORIA!

Acho que essa derrota faz mal pra categoria, pq o Cigano não perde de mais ninguém, mas não ganha do Cain. Ou seja: domínio do Juanito, e sem adversários para o número 2.


Frank, lembra que falei que o Cigano tava lutando no automático? Veja a reportagem na globo.com onde no Hospital, ele diz pensar que foi nocauteado no R2, pq já não via mais nada.

E pra definir a atuação do Cain:


_________________
VOLTA, WILLIANMMA! ESTE FÓRUM NÃO É O MESMO SEM VOCÊ!

Ver perfil do usuário
edubontempo escreveu:Cigano têm rever os seus conceitos urgentemente, pq quando um lutador profissional não apresenta nenhuma estratégia, apresenta as mesmas falhas e se nocauteia (foi muito triste), é pq realmente têm alguma coisa errada!!!

No mais, parabéns ao Cain Velásquez, que mostrou ser lutador superior, principalmente na estratégia!!!
Ele não se nocauteou. Ele apenas desmontou...


_________________
VOLTA, WILLIAN!
Ver perfil do usuário
E o troféu groselha de ouro vai para: LUCIANO ANDRADE!

Kyra Gracie pode ganhar o troféu papagaio de ouro.


_________________
VOLTA, WILLIAN!
Ver perfil do usuário
Eu e o Neto se encontramos ontem aqui e SP Capital pra assistir o UFC 166, entre coxinhas e batata-fritas com um malditamente ardido molho de tabasco. Vimos TODAS as lutas e concordamos: foi o melhor evento do ano, já o melhor evento da década e figura fácil entre os 10 melhores eventos de MMA da história.

Kyoji Horiguchi VS Dustin Pague abriu bem o evento. Pague foi imperdoável ao perder a finalização e o japonês mereceu demais vencer ele. Nocauteou bem e pode dar trabalho na categoria.

Andre Fili VS Jeremy Larsen também foi ótima. Ambos entraram muito bem pra lutar, e espero que o próximo adversário de Fili seja alguém já com um nome, porque o DW geralmente não perdoa quem não bate peso.

Tony Ferguson VS Mike Rio foi a redenção do Ferguson. Foi superior no chão, em pé, e mostrou que deu a volta por cima na carreira, podendo inclusive voltar a ser aquele lutador que fez, praticamente na mesma semana, Dennis Hallman e Thiago Tavares pipocarem.

Adlan Amagov VS TJ Waldburger foi a luta mais foda do card preliminar youtube-facebook. Waldburger meio que não conseguiu fazer nada, e Amagov mostrou que é um monstro pra bater. Só não foi KO da noite porque o Dodson foi muito mais animal.

KJ Noons VS George Sotiropoulos foi a luta morna do preliminar. Ambos precisando muito da vitória pra continuar no evento e ambos com medo um do outro: Noons com medo de ir pro chão e Sotiropoulos com medo de apanhar. A luta teve uns bons momentos mas infelizmente nada pra ser lembrado por muito tempo.

Jessica Eye VS Sarah Kaufman, a luta feminina da noite, só perdeu o título de luta da noite porque Sanchez e Melendez fizeram praticamente o show da década. Kaufman foi muito guerreira e Eye, a gatinha da noite, também mostrou muito coração. Pra mim, a Kaufman ganhou.

Hector Lombard VS Nate Marquardt mostrou que Lombard sempre esteve na categoria errada e Marquardt sempre esteve na profissão errada. O americano provou mais uma vez que é amarelão pra cacete e o cubano-australiano mostrou que pode complicar MUITO a categoria.

Tim Boetsch VS CB Dollaway, pra mim, a pior luta da noite. Eu pontuei split decision também, mas pra mim seria 29-27, 29-28 e 27-29 a favor do Barbarian. E Dollaway, um tremendo de um lutador desleal e que foi duas vezes com dedo no olho na maior da maldade, porque nem se preocupou, em cada vez que aconteceu, em pedir desculpas ao Barbarian.

John Dodson VS Darrell Montague abriu bem o card principal e provou o que eu sempre falei, que o Dodson é o cara foda da categoria (a propósito, Bruce Mussum, o Mouse é o Jhonson, o Dodson é o Magician). Se pá, ele é o menor lutador do UFC, e a diferença física entre ele e o Montague era gritante, porque o Dodson, apesar de perder peso pra chegar na balança, não vem magro - basta olhar as canelas dele e do Montague, se o UFC realmente trazer a tal categoria palha o Dodson vai pra ela e continua o mesmo animal - e ele vai fazer no máximo mais uma luta antes de pegar o Johnson de novo. E dessa vez, não acredito que o Mighty Mouse vai ter a mesma dominância não... no mais, o Dodson é louco demais, quem sai de balada com ele deve dar risada o tempo todo rindo muito rindo muito rindo muito rindo muito rindo muito rindo muito rindo muito .

Gabriel Gonzaga VS Shawn Jordan foi muito bacana também, mostrou quanto o Napão pode também ser striker, e provou que o Napão, se vier com mais musculatura e menos gelatina pra luta, consegue engrossar pra cima de QUALQUER UM!

Gilbert Melendez VS Diego Sanchez, a luta da noite, da semana, do mês, do ano... Sanchez também teve a sua redenção nesse evento, mostrou que está de volta aos velhos tempos (desde que não acertem ele onde ele sangra) e pra mim, a luta só acabou em empate por causa da pontuação. Também mudei muito meus conceitos a respeito do Melendez, hoje eu vejo que ele, se chegar no TS, mata tanto Pettis quanto Thomson.

Daniel Cormier VS Roy Nelson foi de longe a pior luta do preliminar. Nelson mostrou que é só uma mão pesada, que a tal faixa-preta de Gracie que ele tem pode até ser inventada, e que tirando um físico meio difícil de derrubar, um queixo monstruoso e mãos de bigorna, não é mais nada. A luta também serviu pra mostrar que o Cormier não é mais, pra mim, aquele sujeitinho overrated que ganhou de um Barnett irreconhecível.

Cain Velasquez VS Junior dos Santos, a decepção da noite. A única luta que realmente estragou o espetáculo que foi esse 166. Cain mereceu a vitória, mas amarrou a luta o quanto pôde. E Cigano, além de mostrar que talvez nunca será nocauteado na vida, mostrou que é o pior inimigo dele mesmo.

Saldo do evento: pra ter sido melhor, trocaria a luta do Barbarian e Dollaway por outra luta de médios, e trocaria também Noons VS Sotiropoulos por uma luta de LHW, que foi a única categoria não-contemplada nesse evento.

E pra ilustrar, uma piada que surgiu ontem e que quem quiser entender, eu explico via mensagem privada (com a condição de não contar depois pro Willian do que se trata):


rindo demais rindo demais rindo demais rindo demais rindo demais rindo demais rindo demais rindo demais rindo demais rindo demais rindo demais rindo demais rindo demais rindo demais rindo demais rindo demais rindo demais rindo demais rindo demais rindo demais rindo demais rindo demais rindo demais rindo demais rindo demais rindo demais rindo demais rindo demais rindo demais rindo demais rindo demais rindo demais rindo demais 


_________________
GSP, mesmo não sendo mais campeão, vai derrotar qualquer um que aparecer. Ele perderá quando enfrentar Matt Brown porque perdeu pra Hughes e Serra.

Carlos Condit rumo à cinta da WW! Lawler VS Condit II pra ontem!

Status atual: torcendo pra criarem a categoria cruzador (até 106kg ou 235lbs) no UFC porque é muita diferença de peso entre LHW e HW, pro UFC abrir mais categorias femininas e pro UFC voltar a ter concorrentes de peso tipo o WEC, o PRIDE e o Strikeforce. Ray Sefo e Scott Coker, tamo junto! Reebok, pro inferno!

Khabib Nurmagomedov será o primeiro campeão russo do UFC. Isso é, se o UFC for justo e ele deixar de ser de vidro.

TUF de FLYs, aí sim!

MMA é o esporte mais previsível onde imprevistos acontecem, porque não importa se a luta é entre Matt Hamill e Ryan Bader ou entre Rashad Evans e King Mo, ou então entre Fedor Emelianenko e Joe Kavey ou entre Jon Jones e Craig Allen: fechou o cage, qualquer um dos dois pode ganhar.
Ver perfil do usuário
Próxima postagem, lutas a serem feitas.


_________________
GSP, mesmo não sendo mais campeão, vai derrotar qualquer um que aparecer. Ele perderá quando enfrentar Matt Brown porque perdeu pra Hughes e Serra.

Carlos Condit rumo à cinta da WW! Lawler VS Condit II pra ontem!

Status atual: torcendo pra criarem a categoria cruzador (até 106kg ou 235lbs) no UFC porque é muita diferença de peso entre LHW e HW, pro UFC abrir mais categorias femininas e pro UFC voltar a ter concorrentes de peso tipo o WEC, o PRIDE e o Strikeforce. Ray Sefo e Scott Coker, tamo junto! Reebok, pro inferno!

Khabib Nurmagomedov será o primeiro campeão russo do UFC. Isso é, se o UFC for justo e ele deixar de ser de vidro.

TUF de FLYs, aí sim!

MMA é o esporte mais previsível onde imprevistos acontecem, porque não importa se a luta é entre Matt Hamill e Ryan Bader ou entre Rashad Evans e King Mo, ou então entre Fedor Emelianenko e Joe Kavey ou entre Jon Jones e Craig Allen: fechou o cage, qualquer um dos dois pode ganhar.
Ver perfil do usuário
Smasher escreveu:
edubontempo escreveu:Cigano têm rever os seus conceitos urgentemente, pq quando um lutador profissional não apresenta nenhuma estratégia, apresenta as mesmas falhas e se nocauteia (foi muito triste), é pq realmente têm alguma coisa errada!!!

No mais, parabéns ao Cain Velásquez, que mostrou ser lutador superior, principalmente na estratégia!!!
Ele não se nocauteou. Ele apenas desmontou...
Pois é Smasher, o que quis dizer é que foi triste o fim!!!

Reconheço a superioridade do Velásquez, mas tô me referindo mais ao próprio Cigano, um talento nato, que se não rever os seus conceitos o quanto antes vai acabar se perdendo!

Desde que a revanche foi anunciada, acho que o meu 1º posto foi justamente falando dessa "reinvenção"! De sair da zona de conforto, de buscar coisas novas, sair na aba do Dórea, etc...

Vejo que agora, além disso, ele tem ver o lado psicológico (travou mais uma vez), ainda mais quando se perde 2 vezes pra o mesmo cara da maneira que ele perdeu!

Mais uma vez, méritos total pro Cain, que foi lá, anulou o jogo do Cigano e colocou a estratégia de um campeão em prática!

Eu sempre digo que toda luta é uma história, mas pra mim, o maior exemplo de um cara que "perdeu", e que pode e vai dar muito trabalho é o Gustafsson! Basta ver a atitude dele na luta com o Jones... É tanto que o próprio Jones parece bastante incomodado com essa luta ainda, não dando nem moral pro Glover...

Ver perfil do usuário
POST ORIGINALMENTE INCLUÍDO NO FÓRUM PVT. EVENTUAIS "CUTUCÕES" SÃO PARA AQUELES DEBILÓIDES QUE LÁ  POSTAM.

Posso dar minha opinião, senhores?

Ufa, que bom!

Pra mim, as pessoas ficam procurando achar um lugar onde o Cigano se sairia favorável: -"olha, em pé o Cigano troca mais, então o jogo dele tem que ser assim, assim e assado".

NÃO! Cigano não é melhor Striker que Cain!

Cain superou o Cigano EM PÉ também! Não foi só lutando grudado, mas em pé foi onde ele principalmente superou o Cigano.

"Ah, mas o Cigano tem a mão mais pesada porque nocauteou no primeiro round e tal...".

NÃO! Quem sabe se o Cain estava mal? Se já estava grogue? Se pegou num ponto -ou de um jeito- mais fatal?

Ou ainda: quem sabe o Cigano não tem o QUEIXO melhor que o Cain, mas não a mão mais pesada?

Acredito que também nisso Cain leva vantagem.

Mas, onde eu quero chegar?

Pra mim, a análise da luta é simples: Cain troca melhor, tem um wrestling melhor, luta mais rápido, tem a mão mais pesada e raciocina mais durante a luta. ELE É MELHOR -por enquanto- EM TUDO!

Custa aceitarem isso?

Se Cigano tem chances? Sim, muita! Com aquela inteligência toda que ele tem, tem capacidade para tornar-se o maior HW do Planeta, mas por enquanto, Cain é o melhor.

É isso.

É simples...

Quem não concorda, tudo bem.

FRANK, por favor: me explica por PM o que quer dizer essa imagem?


_________________
VOLTA, WILLIAN!
Ver perfil do usuário
cade a foto de vocês frank?


_________________
Ver perfil do usuário
Smasher, a gente deu muita risada por causa dessa imagem! E fora que encontramos o irmão gêmeo do Barnett (Sério, eu levantei a hipótese do cara ser parente dele, pq até Inglês ele falava, e era IDÊNTICO, chegou a ser assustador!), o sósia do Cormier e do Dong Hyun Kim... dava pra fazer um UFC lá no bar!

E essa Jéssica Eye é um COLÍRIO, com o perdão do trocadilho... Que coisinha mais linda, meu Deus! Fiquei encantado em vê-la lutar!

Esse rapaz que abriu o preliminar, o japonês, eu falei que vai dar MUITO trabalho na categoria. É bem talentoso! Tá na categoria que carece de bons nomes (BW) e acho que chega pra fazer frente a atletas bem rankeados.

CB é um covarde, babaca, sujo e enfiava o dedo no olho do Boestch na MALDADE! Na segunda vez eu chamei a atenção do Frank pelo replay que ele ia com a mão aberta em cheio no olho do adversário... Aliás, eu falei pra ele e digo aqui: UFC tinha que criar a regra: Partiu pro ataque com a mão aberta, dedo em riste, perde ponto. Reincidência na luta, TÁ FORA! É absurdo a sujeira que alguns fazem. Tá na hora de criar algo pra reprimir isso.

Frank, uma coisa que me chateou e não sei se vc percebeu é como o povo do bar lá era pacheco! O evento tava bombando, lutas excelentes e só nós dois gritávamos nos golpes mais contundentes da luta. A turma só parou mesmo pra ver o Cigano e aí apareceram os ENTENDEDORES DE MMA! Fiquei chateado de ver como tá MODINHA falar que gosta de UFC, sem nem saber oq significa. 

Gio, o evento tava tão bacana que nem lembramos de tirar foto. Ficamos tão vidrados com as lutas, e a merda do horário de verão arrebentou também. Quando acabou, por volta das 2 da manhã, eu tive que ir embora, pq ia de táxi. Mas volto em Dezembro, e a gente tira. Aliás, to indo pra Concórdia semana que vem, te ligo pra gente marcar de novo.


_________________
VOLTA, WILLIANMMA! ESTE FÓRUM NÃO É O MESMO SEM VOCÊ!

Ver perfil do usuário
Smasher, questão de opiniões, mas pra mim, o boxe, exclusivamente o boxe, do Cigano, é melhor que o do Velasquez.

Cigano tem mãos mais rápidas e mais fortes, além de uma base defensiva mais interessante e bem formada.

Mas o Velasquez é mais versátil, mais completo. Acho que da mesma forma que o Cigano é um melhor boxeador que o Velasquez, é inegável também que o americano é mais completo que o brasileiro. Tem um jogo de trocação bem interessante, tem uma boa velocidade e um gás incrível, além de um jogo de grande wrestler.

Não é questão de "aceitar isso". Analisar lutadores não é assim...

É o mesmo que analisar Weidman e Anderson e dizer que porque o americano venceu o brasileiro com um nocaute sinistro ele tem uma trocação melhor que ele.

Agora, sendo bem sincero, o que define um grande lutador é sua capacidade de raciocinar em momentos complicados, que lhe desfavorecem. Isso é o que fazia o Fedor ser inigualável! Cigano tem um grave problema com isso, que foi evidente na primeira luta. Ele não é capaz de raciocinar plenamente em situações como essas. Não consegue lembrar de contra-medidas, não consegue assimilar e executar orientações. Fica num estado automático...

Acho que essa pane mental foi tão evidente na primeira luta que o jogo do Cain foi focado nisso. Sabendo que o Cigano trabalha na média em curta distância e que é superior nesse ponto em relação ao Cain, e que até trabalhar no chão seria complicado, como foi na primeira luta onde o brasileiro levantou facilmente do chão quando quedado, eles optaram por usar o clinch na grade. Pra mim, é um dos jogos mais feios do MMA, mas pra lutar contra um cara como o Cigano, é perfeito: a distância mais curta impossibilita os golpes mais fortes do brasileiro e o americano usava os joelhos pra fazer o brasileiro expor o rosto e então dava golpes na cara do brasileiro pra pontuar. A esse ponto o brasileiro já estava perdido no combate, ai o Cain começou a trocar com o brasileiro, mas sempre que o Cigano começava a ameaçar na trocação achando a distância ele voltava pro clinch. Foi nisso até conseguir o knockdown, e então com o Cigano no automático, repetindo apenas o mesmo golpe, o americano partiu pra trocação porque sabia que o brasileiro não era mais uma ameaça...

O jogo foi vencido na estratégia adotada, assimilada, e executada com maestria pelo Cain, tanto que ele sempre evidenciou que tinha uma estratégia pra luta e que iria segui-la e agradeceu ao Cormier por ajudá-lo a treinar a estratégia, além disso, a capacidade de aproveitar cada momento do combate. Já Cigano novamente mostrou que se perde quando é pressionado, que não consegue seguir estratégias secundárias, ou planos B, mudar durante a luta. Não consegue assimilar e executar o que o corner fala. Fica muito difícil seguir assim pois é como se a situação da luta sair um pouco dos trilhos, Cigano não consegue se adaptar a isso e se torna um cara previsível e sem recursos, presa fácil.

Não retiro os méritos do Velasquez, que mostrou que hoje é o número 1 da categoria, inquestionável. Mas também não dá pra dizer que ele tem seus pontos fortes e fracos, e que, no boxe, Cigano é melhor que ele, mesmo sendo derrotado 2 vezes, inclusive na trocação. É fácil dizer isso porque o Cigano não perdeu no boxe. Perdeu pra sí mesmo primeiro, ai depois é que ele perdeu pro Velasquez...


_________________
sem ideia

- Vai um cafezinho ai?
- Não, não, obrigado!
Ver perfil do usuário
Cigano melhorou MUITO da primeira pra segunda luta. Ele não foi quedado com tanta facilidade, quando quedou se levantou rápido, quando bateu, machucou. Cain saiu da primeira luta pronto pra lutar de novo, e anteontem a lataria tava um pouco avariada... O problema foi oq já comentamos aqui, e brilhantemente retificado pelo Sétimo: Quando apanha, o cara luta no automático. Ele NUNCA espera que ninguém vá pra trocação com ele, e o jogo do Cain foi chato mesmo, Frank ficou puto na hora da luta, mas foi efetivo. Ele clinchava e ficava na mesma coisa... Só que ele é FODA, e terá outra estratégia contra o Werdum, pq se vier assim, ele vai ser nocauteado ou finalizado.

Falando em Werdum:

Rafael Cordeiro
19 de outubro próximo a Newport Beach, CA, United States via celular
Agora e conosco a bronca. Foco, treino duro, bons companheiros de treino, direcionamento e disciplina, ou seja, continuar aquilo que nos trouxe ate aqui. War Werdum! Nos acreditamos e assim sera!


_________________
VOLTA, WILLIANMMA! ESTE FÓRUM NÃO É O MESMO SEM VOCÊ!

Ver perfil do usuário
Bruce \"Mussum" Buffer escreveu:Smasher, questão de opiniões, mas pra mim, o boxe, exclusivamente o boxe, do Cigano, é melhor que o do Velasquez.

Cigano tem mãos mais rápidas e mais fortes, além de uma base defensiva mais interessante e bem formada.

Mas o Velasquez é mais versátil, mais completo. Acho que da mesma forma que o Cigano é um melhor boxeador que o Velasquez, é inegável também que o americano é mais completo que o brasileiro. Tem um jogo de trocação bem interessante, tem uma boa velocidade e um gás incrível, além de um jogo de grande wrestler.

Não é questão de "aceitar isso". Analisar lutadores não é assim...

É o mesmo que analisar Weidman e Anderson e dizer que porque o americano venceu o brasileiro com um nocaute sinistro ele tem uma trocação melhor que ele.

Agora, sendo bem sincero, o que define um grande lutador é sua capacidade de raciocinar em momentos complicados, que lhe desfavorecem. Isso é o que fazia o Fedor ser inigualável! Cigano tem um grave problema com isso, que foi evidente na primeira luta. Ele não é capaz de raciocinar plenamente em situações como essas. Não consegue lembrar de contra-medidas, não consegue assimilar e executar orientações. Fica num estado automático...

Acho que essa pane mental foi tão evidente na primeira luta que o jogo do Cain foi focado nisso. Sabendo que o Cigano trabalha na média em curta distância e que é superior nesse ponto em relação ao Cain, e que até trabalhar no chão seria complicado, como foi na primeira luta onde o brasileiro levantou facilmente do chão quando quedado, eles optaram por usar o clinch na grade. Pra mim, é um dos jogos mais feios do MMA, mas pra lutar contra um cara como o Cigano, é perfeito: a distância mais curta impossibilita os golpes mais fortes do brasileiro e o americano usava os joelhos pra fazer o brasileiro expor o rosto e então dava golpes na cara do brasileiro pra pontuar. A esse ponto o brasileiro já estava perdido no combate, ai o Cain começou a trocar com o brasileiro, mas sempre que o Cigano começava a ameaçar na trocação achando a distância ele voltava pro clinch. Foi nisso até conseguir o knockdown, e então com o Cigano no automático, repetindo apenas o mesmo golpe, o americano partiu pra trocação porque sabia que o brasileiro não era mais uma ameaça...

O jogo foi vencido na estratégia adotada, assimilada, e executada com maestria pelo Cain, tanto que ele sempre evidenciou que tinha uma estratégia pra luta e que iria segui-la e agradeceu ao Cormier por ajudá-lo a treinar a estratégia, além disso, a capacidade de aproveitar cada momento do combate. Já Cigano novamente mostrou que se perde quando é pressionado, que não consegue seguir estratégias secundárias, ou planos B, mudar durante a luta. Não consegue assimilar e executar o que o corner fala. Fica muito difícil seguir assim pois é como se a situação da luta sair um pouco dos trilhos, Cigano não consegue se adaptar a isso e se torna um cara previsível e sem recursos, presa fácil.

Não retiro os méritos do Velasquez, que mostrou que hoje é o número 1 da categoria, inquestionável. Mas também não dá pra dizer que ele tem seus pontos fortes e fracos, e que, no boxe, Cigano é melhor que ele, mesmo sendo derrotado 2 vezes, inclusive na trocação. É fácil dizer isso porque o Cigano não perdeu no boxe. Perdeu pra sí mesmo primeiro, ai depois é que ele perdeu pro Velasquez...
Meu amor, esse post foi tão "duro" dessa forma porque postei originalmente lá no PVT.

Se eu fosse postar aqui, não diria coisas como "aceitem" ou outras durezas pra não te machucar por dentro, tá? Risos.

Mas na verdade, eu acabo concordando contigo que no BOXE Cigano é melhor. Porém, na trocação, Cain está melhor.


_________________
VOLTA, WILLIAN!
Ver perfil do usuário
GiøøØ escreveu:cade a foto de vocês frank?
Não tenha ciúme, Giooo. O carabina tá aí: cheio de amor pra dar e vender.

Pergunta pro Sétimo.


_________________
VOLTA, WILLIAN!
Ver perfil do usuário
Smasher escreveu:
Bruce \"Mussum" Buffer escreveu:Smasher, questão de opiniões, mas pra mim, o boxe, exclusivamente o boxe, do Cigano, é melhor que o do Velasquez.

Cigano tem mãos mais rápidas e mais fortes, além de uma base defensiva mais interessante e bem formada.

Mas o Velasquez é mais versátil, mais completo. Acho que da mesma forma que o Cigano é um melhor boxeador que o Velasquez, é inegável também que o americano é mais completo que o brasileiro. Tem um jogo de trocação bem interessante, tem uma boa velocidade e um gás incrível, além de um jogo de grande wrestler.

Não é questão de "aceitar isso". Analisar lutadores não é assim...

É o mesmo que analisar Weidman e Anderson e dizer que porque o americano venceu o brasileiro com um nocaute sinistro ele tem uma trocação melhor que ele.

Agora, sendo bem sincero, o que define um grande lutador é sua capacidade de raciocinar em momentos complicados, que lhe desfavorecem. Isso é o que fazia o Fedor ser inigualável! Cigano tem um grave problema com isso, que foi evidente na primeira luta. Ele não é capaz de raciocinar plenamente em situações como essas. Não consegue lembrar de contra-medidas, não consegue assimilar e executar orientações. Fica num estado automático...

Acho que essa pane mental foi tão evidente na primeira luta que o jogo do Cain foi focado nisso. Sabendo que o Cigano trabalha na média em curta distância e que é superior nesse ponto em relação ao Cain, e que até trabalhar no chão seria complicado, como foi na primeira luta onde o brasileiro levantou facilmente do chão quando quedado, eles optaram por usar o clinch na grade. Pra mim, é um dos jogos mais feios do MMA, mas pra lutar contra um cara como o Cigano, é perfeito: a distância mais curta impossibilita os golpes mais fortes do brasileiro e o americano usava os joelhos pra fazer o brasileiro expor o rosto e então dava golpes na cara do brasileiro pra pontuar. A esse ponto o brasileiro já estava perdido no combate, ai o Cain começou a trocar com o brasileiro, mas sempre que o Cigano começava a ameaçar na trocação achando a distância ele voltava pro clinch. Foi nisso até conseguir o knockdown, e então com o Cigano no automático, repetindo apenas o mesmo golpe, o americano partiu pra trocação porque sabia que o brasileiro não era mais uma ameaça...

O jogo foi vencido na estratégia adotada, assimilada, e executada com maestria pelo Cain, tanto que ele sempre evidenciou que tinha uma estratégia pra luta e que iria segui-la e agradeceu ao Cormier por ajudá-lo a treinar a estratégia, além disso, a capacidade de aproveitar cada momento do combate. Já Cigano novamente mostrou que se perde quando é pressionado, que não consegue seguir estratégias secundárias, ou planos B, mudar durante a luta. Não consegue assimilar e executar o que o corner fala. Fica muito difícil seguir assim pois é como se a situação da luta sair um pouco dos trilhos, Cigano não consegue se adaptar a isso e se torna um cara previsível e sem recursos, presa fácil.

Não retiro os méritos do Velasquez, que mostrou que hoje é o número 1 da categoria, inquestionável. Mas também não dá pra dizer que ele tem seus pontos fortes e fracos, e que, no boxe, Cigano é melhor que ele, mesmo sendo derrotado 2 vezes, inclusive na trocação. É fácil dizer isso porque o Cigano não perdeu no boxe. Perdeu pra sí mesmo primeiro, ai depois é que ele perdeu pro Velasquez...
Meu amor, esse post foi tão "duro" dessa forma porque postei originalmente lá no PVT.

Se eu fosse postar aqui, não diria coisas como "aceitem" ou outras durezas pra não te machucar por dentro, tá? Risos.

Mas na verdade, eu acabo concordando contigo que no BOXE Cigano é melhor. Porém, na trocação, Cain está melhor.
Ahh bom, rsrsrs... Machucou mas passou... rsrsrs

Também concordo contigo... a trocação do Cain é melhor, mas no boxe, o Cigano leva vantagem.


_________________
sem ideia

- Vai um cafezinho ai?
- Não, não, obrigado!
Ver perfil do usuário
Smasher escreveu:
GiøøØ escreveu:cade a foto de vocês frank?
Não tenha ciúme, Giooo. O carabina tá aí: cheio de amor pra dar e vender.

Pergunta pro Sétimo.
Com certeza. Carabaina é um dos caras mais abertos pros outros daqui do fórum... Só perde pro WilliaM!


_________________
sem ideia

- Vai um cafezinho ai?
- Não, não, obrigado!
Ver perfil do usuário
Bruce \"Mussum" Buffer escreveu:Smasher, questão de opiniões, mas pra mim, o boxe, exclusivamente o boxe, do Cigano, é melhor que o do Velasquez.

Cigano tem mãos mais rápidas e mais fortes, além de uma base defensiva mais interessante e bem formada.

Mas o Velasquez é mais versátil, mais completo. Acho que da mesma forma que o Cigano é um melhor boxeador que o Velasquez, é inegável também que o americano é mais completo que o brasileiro. Tem um jogo de trocação bem interessante, tem uma boa velocidade e um gás incrível, além de um jogo de grande wrestler.

Não é questão de "aceitar isso". Analisar lutadores não é assim...

É o mesmo que analisar Weidman e Anderson e dizer que porque o americano venceu o brasileiro com um nocaute sinistro ele tem uma trocação melhor que ele.

Agora, sendo bem sincero, o que define um grande lutador é sua capacidade de raciocinar em momentos complicados, que lhe desfavorecem. Isso é o que fazia o Fedor ser inigualável! Cigano tem um grave problema com isso, que foi evidente na primeira luta. Ele não é capaz de raciocinar plenamente em situações como essas. Não consegue lembrar de contra-medidas, não consegue assimilar e executar orientações. Fica num estado automático...

Acho que essa pane mental foi tão evidente na primeira luta que o jogo do Cain foi focado nisso. Sabendo que o Cigano trabalha na média em curta distância e que é superior nesse ponto em relação ao Cain, e que até trabalhar no chão seria complicado, como foi na primeira luta onde o brasileiro levantou facilmente do chão quando quedado, eles optaram por usar o clinch na grade. Pra mim, é um dos jogos mais feios do MMA, mas pra lutar contra um cara como o Cigano, é perfeito: a distância mais curta impossibilita os golpes mais fortes do brasileiro e o americano usava os joelhos pra fazer o brasileiro expor o rosto e então dava golpes na cara do brasileiro pra pontuar. A esse ponto o brasileiro já estava perdido no combate, ai o Cain começou a trocar com o brasileiro, mas sempre que o Cigano começava a ameaçar na trocação achando a distância ele voltava pro clinch. Foi nisso até conseguir o knockdown, e então com o Cigano no automático, repetindo apenas o mesmo golpe, o americano partiu pra trocação porque sabia que o brasileiro não era mais uma ameaça...

O jogo foi vencido na estratégia adotada, assimilada, e executada com maestria pelo Cain, tanto que ele sempre evidenciou que tinha uma estratégia pra luta e que iria segui-la e agradeceu ao Cormier por ajudá-lo a treinar a estratégia, além disso, a capacidade de aproveitar cada momento do combate. Já Cigano novamente mostrou que se perde quando é pressionado, que não consegue seguir estratégias secundárias, ou planos B, mudar durante a luta. Não consegue assimilar e executar o que o corner fala. Fica muito difícil seguir assim pois é como se a situação da luta sair um pouco dos trilhos, Cigano não consegue se adaptar a isso e se torna um cara previsível e sem recursos, presa fácil.

Não retiro os méritos do Velasquez, que mostrou que hoje é o número 1 da categoria, inquestionável. Mas também não dá pra dizer que ele tem seus pontos fortes e fracos, e que, no boxe, Cigano é melhor que ele, mesmo sendo derrotado 2 vezes, inclusive na trocação. É fácil dizer isso porque o Cigano não perdeu no boxe. Perdeu pra sí mesmo primeiro, ai depois é que ele perdeu pro Velasquez...
Pois é cara, foi justamente isso que eu falei nos posts anteriores... Quando o o lutador perde pra ele mesmo, primeiramente tem que fazer uma trabalho psicológico muito grande, pra só assim assimilar uma derrota (da maneira que foi), e se reinventar, procurar novos ares, novas técnicas, saindo da sua zona de conforto em busca de um objetivo!!!

Mais uma vez, reconheço os méritos do Velásquez, que seguiu à risca a estratégia e anulou o jogo de média e longa distância do seu adversário!!! Acho até que o Cain vai segurar essa cinta por algum tempo, pq vejo um abismo muito grande nessa categoria entre o campeão e os demais candidatos, mas em se tratando da HW, tudo pode acontecer em uma noite inspirada ou um dia ruim, por exemplo...

Ver perfil do usuário
É, foto não rolou não, o evento tava tão foda que acabamos esquecendo. Fui lembrar já na hora de ir embora, mas era de madrugada, rua com luz precária, a foto provavelmente ia ficar pior que a do Neto e a do Gio.

No mais, Cigano é melhor no boxe e no queixo - Cain quase apagou várias vezes na luta, e Cigano precisou levar muita porrada e mesmo assim ficou mais no automático do que perto de apagar. Cain provou que foi o melhor e que é o melhor HW da atualidade, mas provou também que tem um jogo que não vai funcionar com a maioria.

Acho que, pra próxima luta, Vai Égua consegue finalizar, que o Cain não sabe nada de BJJ, tinha o Cigano de costas e mesmo assim resolveu continuar batendo enquanto podia pegar no mata-leão. Digo e repito: BJJ na HW hoje, só acredito em Minotauro, Vai Égua, Barnett e Mir.

E Cigano... bom, não lembro quem disse, mas realmente: ele perdeu primeiro pra ele mesmo, depois pro Cain.


_________________
GSP, mesmo não sendo mais campeão, vai derrotar qualquer um que aparecer. Ele perderá quando enfrentar Matt Brown porque perdeu pra Hughes e Serra.

Carlos Condit rumo à cinta da WW! Lawler VS Condit II pra ontem!

Status atual: torcendo pra criarem a categoria cruzador (até 106kg ou 235lbs) no UFC porque é muita diferença de peso entre LHW e HW, pro UFC abrir mais categorias femininas e pro UFC voltar a ter concorrentes de peso tipo o WEC, o PRIDE e o Strikeforce. Ray Sefo e Scott Coker, tamo junto! Reebok, pro inferno!

Khabib Nurmagomedov será o primeiro campeão russo do UFC. Isso é, se o UFC for justo e ele deixar de ser de vidro.

TUF de FLYs, aí sim!

MMA é o esporte mais previsível onde imprevistos acontecem, porque não importa se a luta é entre Matt Hamill e Ryan Bader ou entre Rashad Evans e King Mo, ou então entre Fedor Emelianenko e Joe Kavey ou entre Jon Jones e Craig Allen: fechou o cage, qualquer um dos dois pode ganhar.
Ver perfil do usuário

Conteúdo patrocinado


Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo  Mensagem [Página 10 de 12]

Ir à página : Anterior  1, 2, 3 ... 9, 10, 11, 12  Seguinte

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum